Petrópolis tem 90 casos de caxumba confirmados pela Secretaria de Saúde – Tribuna de Petrópolis

O alerta da Secretaria de Estado de Saúde (SES) para o aumento no número de casos de sarampo também chama a atenção para uma outra doença: a caxumba. Neste ano foram registrados pela Secretaria de Saúde 90 casos no município. As duas doenças, que têm como medida preventiva a vacina tríplice viral, estão dentro da campanha do Ministério da Saúde iniciada na última semana em todo o país. 

Leia também: Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo vai até o dia 25 de outubro

Segundo dados da SES, nos primeiros oito meses deste ano foram registrados 2.185 casos de caxumba no estado. O número é 130% maior comparado a 2018, quando foram 1.973 registros em todo o ano. Mas segundo a Secretaria, apesar do aumento na incidência da doença, não foram registradas mortes provocadas pela caxumba de 2017 até agosto deste ano. 

No município, os registros sobre os casos de caxumba são coletados manualmente nos postos de saúde e, por isso, há mais lentidão na contagem dos casos, segundo a Prefeitura. Em 16 de setembro deste ano a Prefeitura informou que havia contabilizado nove casos, e até o dia 4 de outubro, a Prefeitura informou que foram totalizados de janeiro até a data, 90. Já os casos de sarampo, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, somaram 21 notificações de suspeita da doença até 7 de outubro, mas, deste total, 20 foram descartados. 

A Tríplice Viral imuniza, além das duas doenças, em relação a rubéola. Seguindo o cronograma do Ministério da Saúde, a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo prevê a imunização de crianças de seis meses a menores de 5 anos até o dia 25 de outubro. Neste período, os profissionais das 15 salas de vacina da rede pública atuarão na verificação das cadernetas de vacinação. 

As salas estarão abertas de segunda a sexta-feira, de 8h às 16h30, para realizar a imunização, que será intensificada no Dia D, no dia 19 de outubro com atendimento do dia todo, de 8h às 17h, nas unidades de saúde que forem destacadas para a campanha. Já estão realizando as vacinas as salas de vacinas do Centro de Saúde, da UBS Retiro, UBS Mosela, UBS Quitandinha, UBS Itaipava, PSF da Posse, PSF do Alto da Serra, Hospital Alcides Carneiro, UBS Alto Independência, PSF São Sebastião, PSF Morin, UBS Itamarati, Ambulatório Escola de Cascatinha, UBS Pedro do Rio e UBS Araras.

A segunda etapa da campanha será realizada no próximo mês, a partir de 18 de novembro, para pessoas de faixa etária entre 20 e 29 anos. Esse atendimento será voltado para as pessoas que não estiverem com a caderneta de vacinação em dia. Ao todo, entre adultos e crianças, já foram aplicadas no município 13.079 doses.

Leia também: Desinformação pode ter provocado o reaparecimento do sarampo: especialistas alertam para importância da vacinação

Leia também: Mas afinal, o que é o sarampo? Eu posso pegar?

 

 

 

Be First to Comment

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.